Logomarca Heliar

A Melhor Bateria Do Brazil

conheça os principais erros da cadeirinha no carro

Ao instalar a cadeirinha é necessário ler e seguir todas as instruções do manual e não apenas apostar na intuição e encaixar o dispositivo de segurança. Muitas vezes, esses manuais incluem imagens que podem ajudar a entender os detalhes da instalação.

Nunca deixe a cadeirinha frouxa: o primeiro passo é entender se o modelo da cadeirinha é compatível com o cinto de segurança do seu carro. A cadeirinha não pode se mexer mais que dois dedos para um lado ou para o outro, caso isso aconteça aperte mais o cinto para que fique bem fixada.

Não deixe a criança se colocar na cadeirinha sozinha: até os sete anos de idade, a criança precisa de equipamentos especiais de proteção para andar de carro. Por maior que seja, nunca deixe que ela se coloque no equipamento sozinha. Verifique se a postura esta correta e se o cinto está ajustado.

Cadeirinha virada para o lado errado: para bebês de até um ano de idade, o bebê conforto deve ser usado virado para a parte de trás do veículo, no sentido contrário do movimento. Esta posição é obrigatória por lei, por ser considerada a que mais garante sustentação do pescoço em casos de frenagens bruscas e batidas. Somente a partir de um ano que a criança pode andar com a cadeira virada para frente.

Tirar a criança da cadeirinha com o carro em movimento: basta à criança começar a chorar, fazer birra, querer mamar ou precisar trocar a fralda para dar vontade de tirá-la da cadeirinha com o carro andando. Não faça isso. Tenha paciência e procure parar o carro em um local seguro. Só desta vez, não vou usar a cadeirinha: por mais que seja uma ida rapidinha até o mercado, padaria, seja lá onde for, transportar crianças sem a devida segurança é infração gravíssima, que prevê multa de R$293,47, sete pontos na carteira de habilitação e a retenção até que a regularidade seja corrigida.

Não leve as crianças soltas para caber mais pessoas no carro: o uso da cadeirinha limita o número de pessoas que vão ao banco de trás, mas isso não é motivo para deixar de usa-la. Lembre-se que a segurança vem em primeiro lugar. Tamanho da cadeirinha: a obrigatoriedade de uso das cadeirinhas se estende até os sete anos e meio de idade. Porém, algumas pessoas, aproveitam a mesma cadeirinha para todas as idades, sem se preocupar em verificar se o modelo é compatível com o peso e tamanho da criança.
O modelo do bebê-conforto, por exemplo, é indicado somente até os 9 kg. Passou disso, é necessário o uso da cadeirinha tipo poltrona. Por isso, é necessário consultar o manual e ficar atento para saber se o seu filho já ultrapassou o limite de peso ou altura do equipamento utilizado.

Regras para cada idade:
Os modelos de cadeira de veículos variam de acordo com a idade de cada criança:

  • Bebês de até 1 ano de idade devem ser transportados no banco de trás do carro no bebê conforto, de costas.
  • Crianças entre 1 e 4 anos devem ficar na cadeirinha presa com o cinto e no banco traseiro.
  • Crianças com idade entre 4 e 7 anos e meio, deve ser utilizado um assento de elevação no banco de trás.
  • Crianças com idades entre 7 anos e meio e 10 anos devem utilizar apenas cinto de segurança no banco de trás.

Para a maior segurança do seu pequeno fique atento às nossas dicas e as orientações do manual. ;-)

QUAL É A SUA BATERIA

ONDE COMPRAR

Encontre uma loja